GOVERNO SAUDE

Dupla assalta casa em Guarujá, atira contra a PM e leva duas turistas como reféns

Policiais militares perseguiram carro em que as vítimas eram mantidas reféns e as resgataram; um ladrão foi morto e outro preso

Comentar
Compartilhar
14 FEV 2020Por Gilmar Alves Jr.18h57
O caso foi registrado na Delegacia Sede de GuarujáFoto: Arquivo/DL

Dois criminosos assaltaram uma casa de veraneio em Guarujá rendendo quatro turistas, atiraram diversas vezes contra PMs que atendiam a ocorrência e deixaram o imóvel, no Jardim Virgínia, levando duas das vítimas, ambas mulheres, como reféns em um carro no final da madrugada desta sexta-feira (14).

Em perseguição ao veículo roubado, um Chevrolet Agile, os policiais conseguiram resgatar as vítimas, uma comerciante de 56 anos e uma autônoma de 24, que não ficaram feridas. Elas são de Presidente Prudente, no interior paulista. Os ladrões tentaram escapar a pé atirando, entraram em um matagal e um deles, de 29 anos, foi morto no confronto, enquanto o outro, de 23, foi preso em flagrante.

De acordo com o registro do caso, a PM foi acionada para atender o roubo em andamento e chegou à residência, na Rua das Cachetas, por volta das 5h30. O portão da garagem foi encontrado semiaberto, momento em que tiros começaram a ser feitos pelos ladrões contra os policiais.

Mantendo as duas mulheres sob ameaças de morte, rendidas pelo pescoço, os bandidos disseram aos policiais que não iriam se render e que “iriam sair da casa”. Eles colocaram as vítima no Agile e saíram de marcha-à-ré, derrubando o portão e saindo em alta velocidade.

A perseguição ao veículo foi até o final da rua, quando os criminosos bateram em uma Parati estacionada.

Os ladrões deixaram o carro correndo e, na sequência, as vítimas foram retiradas do automóvel pelos policiais.

Os criminosos realizaram disparos incessantes contra os policiais, segundo o registro da ocorrência. Os policiais revidaram com uma série de tiros, de armas diversas.

O criminoso que foi capturado tentava escapar levando uma aliança, um celular, R$ 690,00, duas cédulas de um dólar e uma cédula de Dirham, moeda dos Emirados Árabes.