Dupla acusada de assaltar motorista de app em SV é achada por usar camisas de times

Os dois detidos, de 18 e 19 anos, foram reconhecidos na Delegacia pela vítima

Comentar
Compartilhar
12 AGO 2020Por Gilmar Alves Jr.17h34
Os detidos foram autuados em flagrante na Delegacia Sede de São VicenteFoto: Nair Bueno/DL

Dois rapazes, de 18 e 19 anos, foram presos pela Polícia Militar na noite desta terça-feira (11) sob a acusação de terem assaltado um motorista de aplicativo na Vila Margarida, em São Vicente. Quando a dupla foi visualizada pelos policiais, na Rua do Meio, usava as mesmas camisas de times de futebol descritas pela vítima, o que contribuiu para o flagrante.

Outras três pessoas participaram do assalto, mas não foram localizadas. O celular, a aliança e documentos do motorista, de 49 anos, também não foram encontrados.

Logo após o roubo, que ocorreu por volta das 10h50, a vítima procurou policiais militares e foi realizava uma tentativa de rastreamento do celular dela, sem sucesso.

Os policiais então realizaram diligências pela Vila Margarida com base na descrição feita pelo motorista e surpreenderam um dos acusados, de 19 anos, sentado em frente a uma lanchonete com camisa de time vermelha. Ele demonstrou nervosismo ao ser abordado. Na sequência, um outro suspeito, de 18, passou a caminhar ao ver os policiais e foi flagrado com uma camiseta de time branca e preta na cintura, sendo que a peça coincidia com a descrita pelo motorista.

Os dois suspeitos foram conduzidos à Delegacia Sede de São Vicente, onde foram prontamente reconhecidos pelo motorista.

O crime

Segundo o motorista de aplicativo, após ele deixar uma passageira na Cidade Náutica, ele recebeu um chamado para a Rua 1, local onde dois passageiros embarcaram e houve pedido para que ele fosse a uma rua próxima, para embarque de um terceiro passageiro.

Na via outros três indivíduos entraram no carro, sendo anunciado o assalto. Quando saiu do carro, o acusado de 19 anos - posteriormente preso -  chegou a dizer para a vítima não ir atrás dele, sob ameaça de morte, mencionando estar armado.