Corona2

Detento que não retornou de saída temporária é preso pela PM em Praia Grande

Ao perceber a aproximação de uma viatura, ele tentou fugir correndo, mas foi recapturado em uma casa

Comentar
Compartilhar
28 JAN 2020Por Gilmar Alves Jr.13h44
O homem era evadido do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de MongaguáFoto: Divulgação/Tribunal de Justiça de SP

Um detento do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de Mongaguá que não retornou da última saída temporária de final de ano foi recapturado pela Polícia Militar na manhã desta segunda-feira (27), no Solemar II, em Praia Grande.

Ao perceber a aproximação de uma viatura, o homem, de 22 anos, tentou fugir correndo mas foi alcançado dentro de uma casa, na Rua Mário Osvaldo da Silva, pouco antes das 10h30.

O recapturado cumpria pena no CPP, que é de regime semiaberto, por tráfico de drogas. Por não ter retornado no último dia 6, ele automaticamente perdeu o benefício e voltou ao regime fechado.

Participaram da recaptura o cabo Souza e o soldado Meirelles, do 45º BPM/I.

Após a saída temporária de Natal e Ano Novo, 211 presos do regime semiaberto na Baixada Santista não retornaram para as unidades prisionais em 6 de janeiro. Dos 3.231 que saíram, voltaram na data estipulada 3.020, o que representa 93,47%, segundo dados da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP).

Conforme informações da SAP divulgadas no último dia 24, dos 211 que não retornaram ao CPP de Mongaguá e às penitenciárias I e II de São Vicente, um total de 28 já tinham sido recapturados ou retornaram espontaneamente.