Condutor do Uber reage a roubo e leva 2 tiros em São Paulo

O motorista foi atingido no abdome e no ombro. Ele passou por cirurgia para a remoção das balas

Comentar
Compartilhar
05 MAR 2017Por Folhapress12h01
Condutor do Uber reagiu a roubo e levou dois tiros em São PauloFoto: Divulgação

Um motorista da Uber, de 41 anos, foi baleado duas vezes por volta das 20h de ontem em uma tentativa de assalto em frente à sua casa, na Vila dos Remédios (zona oeste). O homem havia acabado de entrar no carro, um Prisma preto, e falava com a namorada no celular, quando dois suspeitos em uma moto Honda CG pararam e anunciaram o roubo.

Segundo a irmã da vítima, que não quis se identificar por medo de represálias, o motorista, que tem o hábito de praticar atividades físicas, se negou a entregar o veículo e começou a brigar com um dos criminosos quando foi atingido. O seu celular e uma bolsa pochete com documentos foram levados pelos criminosos. A família não soube informar se a dupla roubou alguma quantidade de dinheiro.

"Ele segurou a arma pelo cano e foi empurrando o bandido. Eles atravessaram a rua lutando, quando o criminoso disparou duas vezes. Mesmo atingido, o meu irmão voltou e caiu em frente ao meu portão. Foi a família que prestou os primeiros socorros", contou. Na tarde de hoje, ela lavava a calçada e o portão que ainda tinham marcas de sangue. As câmeras de segurança da casa da família e da vizinhança gravaram a ação e foram entregues à Polícia Civil.

O motorista foi atingido no abdome e no ombro. Ainda na noite de sexta-feira, ele passou por cirurgia para a remoção das balas e o seu quadro era considerado estável na tarde de hoje. O caso está sendo investigado pelo 33º DP (Vila Mangalot) como tentativa de roubo de veículo.

Uber diz oferecer segurança

A Uber afirma que está constantemente trabalhando para oferecer mais segurança ao aplicativo. "Lançamos uma ferramenta de verificação de identidade que pede para que novos usuários insiram o seu CPF antes de fazerem viagens pagas em dinheiro", diz, em nota.

Segundo a empresa, engenheiros estão desenvolvendo outras medidas para aprimorar o mapeamento de novos usuários antes de fazerem viagens. "Vamos, também, seguir com os testes em caráter experimental de ferramenta que permita aos motoristas parceiros ampliarem sua escolha sobre meios de pagamento". A Uber diz que o pagamento em dinheiro democratizou o acesso ao aplicativo.

A Secretaria da Segurança Pública de São Paulo diz que as equipes da Polícia Militar estão atentas às atitudes suspeitas de motoristas e passageiros, diante da nova dinâmica adotada por criminosos que atuam contra motoristas de aplicativos, "atividade recente no país".