CAMPANHA DE 1 A 11

Com cães de faro, Alfândega apreende quase 2 t de cocaína no Porto de Santos

A droga foi encontrada em duas cargas: uma de farinha proteica e outra de limões

Comentar
Compartilhar
17 JAN 2020Por Da Reportagem17h29
As apreensões, ao longo desta semana, contaram com cães de faro; droga iria para a EuropaFoto: Divulgação/Receita Federal

Ação iniciada nesta terça-feira (14) e finalizada nesta sexta (17), promovida por equipes da Alfândega de Santos e condutores de cães de faro da própria Unidade e da Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho da 8ª Região Fiscal (Direp/08), apreenderam quase duas toneladas de cocaína escondidas em cargas de exportação no Porto de Santos.

A primeira localização (1.229 quilos) ocorreu na terça-feira (14) em uma carga regular de farinha proteica de soja, acondicionada em sacas, cujo destino final seria o Porto de Antuérpia, na Bélgica. 

Já a segunda (681 quilos) ocorreu na quinta-feira (16) em uma carga regular de limões “in natura”, acondicionados em caixas, cujo destino final seria a Holanda.

"Em ambas as oportunidades, houve indicação positiva dos cães de faro da Receita Federal, direcionando nossas equipes para uma inspeção mais detalhada das cargas", diz a Alfândega da Receita.

A finalização dos trabalhos ocorreu nesta sexta-feira (17) após a verificação de todos os contêineres selecionados, resultando na localização de 1.910 quilos de cocaína. 

A droga interceptada pela Receita Federal foi entregue à Polícia Federal, que acompanhou as operações a partir das localizações e que prosseguirá com as investigações, a partir das informações fornecidas pela Receita.