Acusada de tráfico que guardava drogas no sutiã é presa em Registro

Policiais civis flagraram várias pessoas procurando a mulher para a compra de maconha

Comentar
Compartilhar
30 OUT 2020Por Gilmar Alves Jr.18h29
Os investigadores apreenderam quase 100 gramas de maconha e a quantia de R$ 142,00Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) de Registro prenderam, na tarde desta quinta-feira (29), uma mulher de 33 anos que guardava maconha no sutiã para servir usuários. Ela confessou o tráfico, segundo informou a assessoria de imprensa do Departamento de Polícia Judiciária do Interior-6 (Deinter-6).

De acordo com a polícia, uma equipe da delegacia especializada  realizava investigações de um grupo de indivíduos que atua no tráfico de drogas no bairro Vila Nova e, chegando ao local, constataram a mulher comercializava drogas.

“Várias pessoas se aproximavam, momento em que a mulher retirava a droga do sutiã e entregava aos indivíduos que a procuravam, recebendo dinheiro em troca”, afirma a Deinter-6.

Uma investigadora efetuou a abordagem e localizou com a mulher 14 porções de maconha e R$142,00.

A equipe apurou ainda que a mulher também guardava a droga em um corredor próximo ao local onde estava, na Rua Ana Ribeiro Ramos.

Ali, os policiais encontraram uma sacola plástica contendo 45 porções de maconha embaladas em saquinhos plásticos, prontas para venda.

No total foram apreendidos quase 100 gramas de drogas, que a mulher admitiu a propriedade para o tráfico.