X
Cotidiano

Cobra é encontrada em capô de carro e assusta moradores de Peruíbe

O caso ocorreu na tarde de quarta-feira (13)

A cobra da espécie Dipsas neuwiedi, é conhecida como 'dormideira' / Foto/ Thiago Malpighi

Uma cobra da espécie Dipsas neuwiedi, conhecida como 'dormideira', assustou moradores de Peruíbe, ao ser achada no capô de um carro. A serpente não venenosa foi removida do veículo por uma equipe especializada no resgate de animais. O caso ocorreu na tarde de quarta-feira (13).

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

O biólogo Thiago Malpighi, participou da ação e relatou detalhes do caso, nesta quinta-feira (14). A dormideira estava no motor de um carro que aguardava manutenção. O Corpo de Bombeiros foi acionado para remover o animal, mas não conseguiu executar a ação. Então, o especialista foi acionado.

Malpighi conta que pouco antes de ser acionado para o caso da cobra no capô do carro, havia capturado um filhote de jararaca verdadeira (Bothrops jararaca), também em Peruíbe. Assim, quando foi auxiliar no resgate da dormideira, a jararaca estava em seu carro.

Chegando ao local, a equipe conseguiu localizar a retirar a dormideira do capô do carro. Apesar do susto, ninguém ficou ferido.

O especialista conta que é comum confundirem jararacas com dormideiras. Às duas possuem colorações parecidas, e formatos geométricos que podem parecer semelhantes. Por isso, ele aproveitou para apresentar aos moradores com as principais diferenças entre as espécies, para evitar futuros sustos desnecessários.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Sua marca está preparada para a geração Z? Veja 3 maneiras de conquistar o novo perfil de consumidor

Zoomers definem novos padrões de consumo e, para conquistá-los, marcas devem apostar em autenticidade, tecnologia e igualdade social, aponta especialista

Polícia

Sindpesp aciona a Justiça contra a Operação Sufoco

A medida determina que os policiais devem trabalhar mais, em seus períodos de folga, para combater a criminalidade no Estado de São Paulo

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software