Mais de cinco mil pessoas comparecem no primeiro dia da 2ª Feira de Empregos

Evento começou nesta quarta (14) e prossegue amanhã (15), das 9 às 19 horas, no Centro de Convenções da Costa da Mata Atlântica, em São Vicente

Comentar
Compartilhar
14 MAI 201418h44

Quem está desempregado ou a procura de melhor recolocação no mercado de trabalho ainda tem tempo de participar da 2ª Feira de Emprego de São Vicente, que começou nesta quarta (14) e prossegue amanhã (15), das 9 às 19 horas, no Centro de Convenções da Costa da Mata Atlântica (Avenida Capitão Luiz Pimenta, 811, Parque Bitaru).

Entre as mais de cinco mil pessoas que compareceram com o sonho de conseguir uma vaga no mercado de trabalho, estava Erika Gonçalves Pessoa, 31 anos, desempregada há um ano. Moradora da Cidade Náutica, em São Vicente, a técnica em informática, participa pela primeira vez da Feira. Disse que está ansiosa em conseguir um emprego. “Preciso que me dêem oportunidade para eu mostrar meus conhecimentos”.

Outro que também estava com esperança conseguir emprego era o ajudante geral Rinaldo Caetano da Silva, 52 anos, desempregado há dois meses, morador da Área Continental da Cidade. “O importante é trabalhar”.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Vitor de Almeida Sampaio, disse que a quantidade do público superou a expectativa. “Todos foram atendidos. Muitas pessoas passaram por processo seletivo”.

Mais de cinco mil pessoas compareceram a 2ª Feira de Empregos (Foto: Julio Cesar/PMSV)

Feira

Nesta segunda edição, 29 empresas oferecem 2 mil vagas em diversas áreas do mercado de trabalho. A 1ª Feira foi um sucesso, com duas mil vagas disponíveis e mais de 850 pessoas contratadas de imediato.

Cerca de 5 mil foram atendidas pelos serviços prestados durante o evento, que aconteceu em um dia.

Além da participação das empresas são oferecidos serviços de utilidades públicas por meio de instituições como: Banco do Povo, Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT), Sebrae Móvel, SestSenat, Senac, Procon e Poupatempo. Também é disponibilizada elaboração de currículo, emissão de carteiras de trabalho, fotos e cópias dos documentos para os participantes. Nos dias dessa edição haverá palestras e sorteio de brindes e bolsas de estudo.

É um projeto de lei apresentado na Câmara pelo vereador Junior Bozzella (PSDB), que garante a realização da Feira, pelo menos, duas vezes por ano.