Contratação de temporários para as vendas de final de ano pode ser recorde

A previsão é de que mais de 94 mil vagas devem ser oferecidas em todo o Brasil

Comentar
Compartilhar
14 OUT 2021Por Da Reportagem09h00
A CNC está prevendo que mais de 94 mil vagas devem ser oferecidas em todo o BrasilA CNC está prevendo que mais de 94 mil vagas devem ser oferecidas em todo o BrasilFoto: Agência Brasil

O presidente do Sindicato do Comércio Varejista da Baixada Santista, Sincomércio-BS, Omar Abdul Assaf, disse que muitas entidades ligadas diretamente ao comércio como a Fecomércio SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Tursimo do Estado de São Paulo), a CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo) e o próprio Sincomércio-BS estão prevendo uma taxa alta de contratação de empregados temporários para as vendas de Natal.

“Segundo a CNC podemos ter a maior taxa de contratações temporárias dos últimos oito anos no país. Aqui em Santos e região não deve ser diferente. Muitas vagas perdidas no auge da pandemia devem voltar a ser oferecidas”, afirmou Omar Abdul Assaf.

A CNC está prevendo que mais de 94 mil vagas devem ser oferecidas em todo o Brasil, o que seria um recorde, se comparadas aos últimos anos, já que desde 2014 as contratações não atingem esse patamar. No ano passado, um dos mais difíceis para o comércio em geral, foram oferecidas pouco mais de 68 mil vagas.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

“Só o estado de São Paulo deve abrir cerca de 26 mil novos postos, sendo que os supermercados e as lojas de vestuário, calçados e acessórios devem oferecer a maioria dessas vagas.”, salientou Omar Abdul Assaf.

A CNC também está prevendo um Natal mais gordo para os comerciantes, com uma taxa de crescimento de 4%, em relação ao ano passado. Pode parecer pouco, mas com a categoria ainda contabilizando os enormes prejuízos da pandemia, deve deixar os comerciantes mais otimistas para encarar 2022.