Taças de cerveja

O modelo da taça em relação ao tipo da cerveja faz toda a diferença

Comentar
Compartilhar
04 ABR 201416h06

Em uma degustação colocaram a mesma cerveja,com a mesma temperatura, porém em taças diferentes. Todos disseram que a melhor era a servida na taça de cristal. O certo é que, até a água fica melhor na taça certa.

Taças em cristal transparentes são mais adequados,pois eles permitem observar a coloração da bebida e a formação da sua espuma. Fuja de recipientes opacos e de canecas de cerâmica. Copos de plástico nem pensar!

O modelo da taça em relação ao tipo da cerveja faz toda a diferença: além do visual é o formato que permite a liberação dos aromas de maneira adequada, o que contribui para o processo degustativo. Você deve estar se perguntando: se tiver uma taça de mesmo formato, mas em vidro ao Invés de cristal, deve ser a mesma coisa. Não,é devido ao cristal ser muito mais “liso” do que o vidro e a formação da espuma também depende do atrito. As “larges”, por exemplo, costumam ser servidas em copos altos para que sua espuma possa “crescer e aparecer”. Neste caso, o colarinho é importante porque impede que o líquido libere elementos essenciais no ar, além de dificultar o processo inverso, ou seja, de oxidação da bebida.

Fuja de recipientes opacos e de canecas de cerâmica (Foto: Divulgação)

Muitas cervejas indicam em seus rótulos em qual tipo de recipiente devem ser servidas. Isto,aliás, é muito comum na Bélgica, onde cada marca possui um modelo específico. Mas como dificilmente teremos a chance de comprar tantos copos,vamos listar aqui quais são os tipos mais comuns e com quais cervejas mais combinam:

Lager: é confundido com a tulipa, apesar de ser bem diferente. O copo Lager é o mais utilizado no Brasil devido a popularidade das cervejas do tipo Pilsen, ideais para esse tipo de copo. Suas características são ter a boca mais larga do que a base. No geral ele é bastante parecido com o copo Weizen, mas tem menos capacidade.

Weizen: O copo Weizen é específico para as aromáticas e cremosas cervejas de trigo, que proporciona cor e espuma soberba. A forma larga e bojuda da boca do copo destaca o elegante colarinho.Seu formato vai estreitando em direção a base, e a capacidade é de 500ml, o equivalente a uma garrafa.

Pokal: Cada dia mais usados seja pela elegância ou pela ergonomia, os copos do tipo Pokal são verdadeiros coringas para vários estilos de cerveja. Possui um ligeiro estreitamento na boca, para reter os aromas da cerveja, além de favorecer a transparência e preservação da espuma. É indicado para cervejas carbonatadas claras ou escuras.

Tulipa: Ideal para cervejas mais cremosas, o nome desta taça é inspirado no formato da flor chamada Tulipa. A taça é bem semelhante á um cálice,mas a curvatura extra na boca deixa o diâmetro maior, fazendo com que os aromas da cervejas e expandam. Também proporciona ao degustador o espaço necessário para sorver a cerveja sem tocara espuma.