Só resta a Câmara

Comentar
Compartilhar
25 MAI 2017Por Da Reportagem00h00

O próximo passo é o processo ir para a Câmara de Mongaguá, que também tem o de 2011 (rejeitada) para julgar. As contas de 2009 (que teve ressalvas) e 2010 (rejeitada pelo TCE) foram rejeitadas pela Câmara.