X

Apesar do protesto do sindicato dos servidores estatutários de Santos (Sindest), na galeria, 15 dos 21 vereadores aprovaram a medida que, segundo a direção do sindicato, prejudica servidores e munícipes, pois reduz o valor da indenização de pouca monta de R$ 35 mil para R$ 15 mil, ‘lesando’ os servidores que ganharam ações judiciais contra a Prefeitura. O projeto foi rejeitado pelos vereadores Audrey Kleys (PP), Benedito Furtado (PSB), Fabrício Cardoso (PSB), Kenny Mendes (PSDB) e Telma de Souza e Chico Nogueira (PT).

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Guarujá

Mutirão retira mais de uma tonelada de lixo no Rio Santo Amaro

Iniciativa do Instituto Gremar e do Iate Clube de Santos promoveram a limpeza no último fim de semana

Economia

Prepare o bolso! 8 orientações para as compras de material escolar

Os preços de materiais escolares variam muito entre as lojas e mesmo na internet, por esse motivo, é importante pesquisar e planejar as compras

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software