Será que vale?

Comentar
Compartilhar
04 MAI 2017Por Da Reportagem00h00

A oficial de administração que trabalha com Papa, cujo salário é pago pelo contribuinte santista, é responsável pela organização administrativa e financeira, no escritório de representação política e recebe pouco mais de R$ 12 mil. Já o engenheiro que trabalha com Mansur recebe quase R$ 27 mil. Santos desembolsa, portanto, cerca de R$ 39 mil mensais para atender aos ­parlamentares.