Sem toalha

Comentar
Compartilhar
14 DEZ 2018Por Da Reportagem00h00

Um frequentador da Câmara de Santos estava inconformado, ontem, com a entrega de um cheque de R$ 28,5 milhões pelo presidente da Casa, vereador Adilson Júnior (PTB), ao prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), resultado da economia feita pelo Legislativo durante o ano. “Devolve-se dinheiro e nos banheiros não encontramos papel toalha, sabonete líquido e, conforme soube, nem Wi-Fi na Casa”, disse.