Seleção francesa é recebida com tapete vermelho na chegada a Paris

A seleção francesa chegou a Paris e teve uma recepção grandiosa no aeroporto Roissy-Charles de Gaulle, nos arredores da capital

Comentar
Compartilhar
16 JUL 2018Por Folhapress14h45
Um tapete vermelho foi estendido na saída dos jogadores do aviãoUm tapete vermelho foi estendido na saída dos jogadores do aviãoFoto: Bob Edme/Associated Press/Estadão Conteúdo

Após garantir o bicampeonato mundial, a seleção francesa chegou a Paris e teve uma recepção grandiosa no aeroporto Roissy-Charles de Gaulle, nos arredores da capital. Um tapete vermelho foi estendido na saída dos jogadores do avião. À frente da fila, o goleiro e capitão Hugo Lloris ergueu a Copa do Mundo e mostrou aos funcionários do aeroporto que organizaram a recepção.

Um ônibus com a inscrição "Campeões do mundo" os esperava para levá-los pela cidade, onde uma festa está programada. Funcionários da companhia aérea e do aeroporto deram uma mostra do que os bicampeões receberão nas ruas de Paris. Jogadores como Paul Pogba mostraram muita animação. O técnico Didier

Deschamps celebrava de maneira mais discreta. Com bandeiras e cânticos, os franceses comemoram o título levantado 20 anos depois do primeiro.

Até a tripulação do voo aproveitou para festejar com os jogadores. O piloto mostrou à "TV5Monde" uma foto em que aparece beijando a taça, privilégio geralmente reservado apenas a campeões do mundo e chefes de Estado.

A seleção da França fará uma carreata em Paris para comemorar o título com a população. Cartão postal da capital, a Champs-Élysées lotou quatro horas antes do desfile da delegação.

De acordo com as autoridades, várias linhas de ônibus não estão funcionando e algumas ruas foram fechadas.

Cerca de 90 mil policiais estão fazendo a segurança do evento.

O ambiente, até o momento, tem aparência pacífica, diferente da festa de domingo. Os torcedores se viram como podem em busca de espaço para acompanharem o desfile da seleção da França.