X

Luiz Maurício garante que não ‘vai deixar barato’ e, na qualidade de prefeito, estará encaminhando uma reclamação formal ao governador Geraldo Alckmin sobre a atitude da diretora regional de ensino. O prefeito resolveu romper o convênio porque Peruíbe gasta por refeição R$ 2,10, enquanto o Governo do Estado repassa apenas R$ 0,94 por aluno no ensino regular e R$ 3,68 no período integral. Peruíbe estaria gastando R$ 2 milhões por ano com a merenda das escolas estaduais. 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Tribunal de Justiça Militar vende carros de juízes

Veículos estão em bom estado e com cerca de 25% de desconto. Renovação de frota é o motivo do leilão

Ceni sofre 1ª derrota com São Paulo em Bragança e time perde embalo no Brasileiro

O Tricolor sentiu o peso dos desfalques de seus dois principais atacantes neste domingo

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software