X

Orlandi disse entender os motivos que levaram Banha a apresentar o projeto, como o crime conhecido como ‘saidinha de banco’, mas ressaltou que a película não vai diminuir as ocorrências. “As saidinhas de banco, muitas vezes, têm a informação passada por aqueles que estão ao lado de quem está fazendo o saque, e filmar simplesmente o vidro não vai diminuir a chance desse tipo de ocorrência acontecer”.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Brasil

MP muda tabela do preço do frete rodoviário de carga

Tabela foi elaborada em 2018, após a greve dos caminhoneiros

CÂMARA DE SP

Com aumento de crimes, vereador insiste em fim do PIX em São Paulo

Após aumento de 228% de crimes contra o PIX, Marcelo Messias (MDB) voltar a falar da importância de projeto que pede o fim da ferramenta na Capital

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software