Irregular

Comentar
Compartilhar
22 MAR 2017Por Da Reportagem00h00
Segundo o ex-secretário de Desenvolvimento Econômico e Portuário do município, teria sido realizado um procedimento irregular para beneficiar o consórcio, em que um dos integrantes é a empresa Terracom, responsável por limpeza urbana, construções e obras civis em Guarujá e em diversas cidades da Baixada Santista.