X
Praia Grande

Humorista se desculpa por criticar Praia Grande e mostra piada com São Vicente

A humorista se desculpou por suas piadas depois de sofrer críticas dos internautas

Humorista se desculpou depois das críticas / Reprodução/ Twitter

A humorista Mhel Marrer se desculpou com a população de Praia Grande (SP) pela piada feita no programa A Praça É Nossa da última quinta (21). Na ocasião, ela chamou o município do litoral paulista de lugar "sujo" e onde "todo mundo é feio".

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

"Me desculpa, eu errei, não devia ter falado mal da cidade de vocês. Eu achei que isso era engraçado porque sempre que fiz essas piadas na Praia Grande. Vocês riram e aplaudiram quando eu as fazia com [a cidade de] São Vicente", publicou. Na sequência, mostra trecho de vídeo rindo do município vizinho.

Segundo o SBT, a pedido do canal e de Carlos Alberto de Nóbrega, a comediante terá de se desculpar também no humorístico.

A retratação deverá ser gravada na próxima semana, quando Carlos Alberto retoma ao programa -ele teve de ficar afastado após ser submetido a um cateterismo. Ainda não está definida a data exata em que o pedido de desculpas vai ao ar.

Na piada que foi veiculada pela atração, ela disse que "Praia Grande é uma praia do mesmo jeito que rio Tietê é um rio, agora é só para fazer necessidades lá dentro".

Em outro trecho afirmava que "aquele mar que não tem onda, porque é muito lixo, não tem força pra subir" e que lá "todo o mundo é feio". Também afirmou ter pego micose e "pereba" ao ir para a região.

O fato mobilizou parte dos moradores da cidade que começou a publicar imagens para valorizar a beleza da região. Mhel recebeu ameaças de morte após fazer as piadas.

Depois de apagar a legenda de sua postagem algumas vezes, Mhel publicou um grande texto no qual reforçou o pedido de perdão -que não era destinado a políticos, mas ao povo caiçara. Também disse que vai expor quem a ameaçou.

Por causa dessas manifestações, a Prefeitura de Praia Grande divulgou no domingo (24) uma nota em que repudia o que chamou de "violência verbal" sofrida pela cidade. "Válido reforçar que o município é grande incentivador da cultura e respeita todos os tipos de arte, desde que não firam ou deturpem a imagem de pessoas ou instituições", diz o comunicado.

A prefeitura afirmou que convidou a produção de A Praça É Nossa a visitar o município e conhecer a sua "bela história de superação de seu povo" para acabar com um triste estigma do passado, mostrando que hoje a cidade figura entre as mais desenvolvidas do Brasil e é "um dos destinos turísticos mais procurados do país em virtude de suas belezas e infraestrutura".

Em suas redes, a prefeitura também incentivou nesta segunda (25) os moradores e comerciantes da cidade a aderirem à campanha virtual "Orgulho de ser Praia Grande" como forma de defender e demonstrar amor pelo lugar.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Brasil fechará fronteiras aéreas para seis países da África, diz Casa Civil

Governo brasileiro decidiu seguir a orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e vai restringir voos de países africanos com surto da cepa Omicron

Guarujá

Câmara Temática de Segurança se reúne para discutir projetos metropolitanos

Encontro reúne autoridades dos nove municípios que compõem a Região Metropolitana da Baixada Santista, com o objetivo implementar ações de interesse regional voltadas à segurança pública

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software