Guarujá conquista 10 medalhas e supera campanha do ano passado

Imprimindo a marca de competir somente com atletas de base, a Cidade ficou com 22º lugar da 2ª divisão de uma das maiores competições esportivas da América Latina

Comentar
Compartilhar
31 OUT 201312h18

Guarujá conquistou 10 medalhas — dois ouros, cinco pratas e três bronzes, (ver detalhes abaixo) e ficou na 22ª colocação (2ª divisão) dos 77º Jogos Abertos do Interior “Horácio Baby Barioni“, realizado de 14 a 26 de outubro, em Mogi das Cruzes.

O resultado, que supera o do ano passado quando o município ficou na 27ª posição, é considerado positivo pois Guarujá levou para a disputa somente atletas da Cidade, sem fazer contratações de esportista de fora.

“Nosso mérito é continuar o trabalho de valorização dos atletas de base da nossa Cidade. A cada ano vamos nos superando e isso mostra que estamos no caminho certo”, disse André Luiz Barbosa da Silva, diretor de esporte da Prefeitura e chefe da delegação de Guarujá nos Jogos Abertos deste ano.

A competição contou com a participação de 238 municípios do estado de São Paulo e reuniu cerca de 15 mil atletas. Estavam em disputas 25 modalidades oficiais, além de 11 modalidades extras. Guarujá foi representado por 155 pessoas, entre atletas, técnicos e pessoal administrativo.

Competição contou com a participação de 238 municípios do estado de São Paulo e reuniu cerca de 15 mil atletas. (Foto: Divulgação/PMG)

Para o secretário de Esporte e Lazer de Guarujá, Élson Maceió dos Santos, a meta desse ano foi atingida. “Nosso objetivo era o de melhorar o desempenho nas provas e trazer mais medalhas e isso foi feito com muita dedicação e esforço dos nossos atletas. É uma longa caminhada para devolver à Cidade o lugar de destaque no esporte que ela já teve um dia. Acreditamos que com o incentivo da atual administração, o trabalho de base e valorização do atleta da Cidade vamos chegar lá”, disse.

A criação do benefício do Bolsa-Atleta foi o suporte para o fortalecimento, incentivo, valorização e crescimento do esporte da Cidade. “A tarefa de assegurar e facilitar o acesso de todos a atividades esportivas é parte do compromisso do atual governo. Ganhar campeonatos e medalhas poderá ser conseqüência disso, mas o objetivo central é formar cidadãos e cidadãs”, acrescentou o secretário.

Vale ressaltar que cerca de 70% dos esportistas que defenderam a Cidade nos Jogos Abertos recebem benefício do Bolsa-Atleta. “Para que ocorra essa valorização do esporte e do lazer é preciso que a municipalidade tenha clareza do seu papel. E é isso que estamos fazendo, seguindo uma determinação da nossa prefeita Maria Antonieta de Brito que acredita no esporte e no esportista de Guarujá”, finalizou Maceió.

Quadro de Medalhas

Ouro

Taekwondo: Categoria até 80 kg - Francisco Lucenildo

Natação PCD Masculino: 100 metros nado borboleta - Cristian Costa Cruz

Prata

Natação PCD Feminino: 100 metros nado livre - Maria Noemia Morais Silva

Natação PCD Feminino - 100 metros nado costas - Maria Noemia Moraes Silva

Natação PCD Masculino - 100 metros nado costas - Cristian Costa Cruz

Natação PCD Masculino - 400 metros nado livre - Cristian Costa Cruz

Capoeira Feminina: Leve Médio - Veruska G. Combroni

Bronze

Natação PCD Feminino: 50 metros nado livre - Maria Noemia Moraes Silva

Atletismo PCD Masculino: 1500 m rasos - Reginaldo Rodrigues

Basquete masculino

Outros resultados:

Xadrez Masculino - 4º Lugar

Vôlei de Praia Masculino - 7º lugar

Ginástica Artística Feminina: 14 anos – 9º lugar