Falta fiscalização

Comentar
Compartilhar
24 OUT 2018Por Da Reportagem00h00

Andressa lembra que, enquanto centenas de milhares de litros de água são desperdiçados por falta de manutenção de tubulações e fiscalização da Sabesp – concessionária do serviço, outras centenas de moradores, principalmente do morro próximo ao vazamento, ficam periodicamente sem água potável. “Estou cobrando da Prefeitura se já notificou a empresa, qual o setor que fiscaliza, quantas multas foram aplicadas e outras informações”, afirma Andressa, que pretende se utilizar do Ministério Público caso uma solução não seja dada.