Eliminada, seleção desembarca no Rio com apoio de passageiros e torcedores

Tite saiu por uma área lateral, normalmente usada por autoridades, junto com Philippe Coutinho. Foram recebidos por cerca de 20 torcedores.

Comentar
Compartilhar
08 JUL 2018Por Folhapress12h50
Gabriel Jesus foi um dos jogadores a desembar hoje (08) no Rio de Janeiro.Gabriel Jesus foi um dos jogadores a desembar hoje (08) no Rio de Janeiro.Foto: Facebook/Fox Sports/GazetaPress

Parte da delegação da seleção brasileira desembarcou na manhã deste domingo (8) no Rio. Jogadores e comissão técnica foram recebidos por torcedores e passageiros com festa, apesar da eliminação precoce.

"Acho que eles deram o melhor que cada um poderia dar", disse a estudante Luana Viana Pieroni, 13, que chegou ao aeroporto do Galeão com os pais e uma amiga por volta das 4h e confeccionou um cartaz para mostrar aos jogadores.

Segundo a CBF, sete jogadores e o técnico Tite desembarcaram no Rio. Eles se dividiram por duas saídas e tentaram evitar a imprensa.

Tite saiu por uma área lateral, normalmente usada por autoridades, junto com Philippe Coutinho. Foram recebidos por cerca de 20 torcedores.

"Quero, de coração, retribuir o carinho. Obrigado", limitou-se a dizer.

Casemiro e Gabriel Jesus saíram pela porta de desembarque da área comum do aeroporto.

"O balanço é positivo, houve muitas coisas boas. Não é o fim de uma era", disse Casemiro.

Além deles, desembarcaram no Rio Taison, Douglas Costa, Geromel e Neymar. Um dos mais aguardados, o atacante do PSG não apareceu para saudar os torcedores.

"Nem dormimos esta noite. Optamos por vir meia noite, porque as ruas estavam mais movimentadas é mais seguras", contou José Mauricio França Marques, 33, que levou os dois filhos para ver os jogadores.