É contra

Comentar
Compartilhar
24 FEV 2017Por Da Reportagem00h00

O vereador Bruno Orlandi (PSDB) foi o primeiro a contrariar a ideia, que estava em discussão preliminar. “Quando você tem uma operação policial, caso haja necessidade de invadir o estabelecimento em caso de criminalidade, a visão do policial vai ficar prejudicada. Isso prejudica a operacionalização”.