X

Governo

Doria anuncia o primeiro nome do PSDB para seu secretariado

A deputada estadual Célia Leão (PSDB), da região de Campinas, será secretária da Pessoa com Deficiência na administração estadual a partir de 2019

Estadão Conteúdo

Publicado em 12/11/2018 às 14:20

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Vinte e quatro anos depois de o PSDB chegar ao poder em São Paulo, o governador eleito está montando sua equipe sem consultar o partido, que já está fora dos principais cargos políticos do Palácio dos Bandeirantes / Agência Brasil

O governador eleito de São Paulo João Doria (PSDB) anunciou nesta segunda-feira, 12, o primeiro nome tucano de seu secretariado. A deputada estadual Célia Leão (PSDB), da região de Campinas. Ela será secretária da Pessoa com Deficiência na administração estadual a partir de 2019. Além dela, que está no sétimo mandato na Assembleia Legislativa de São Paulo, Doria anunciou que o desembargador Paulo Dimas, ex-presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, será o secretário de Justiça.

Dos nomes escolhidos até então para o secretariado de Doria, nenhum era do PSDB, o que gerou críticas do presidente da sigla em São Paulo, Pedro Tobias. "Acho estranho ele não ter indicado ninguém do PSDB. Doria precisa tratar o partido com mais carinho O PSDB esteve ao lado dele na campanha", disse o presidente estadual da legenda.

Vinte e quatro anos depois de o PSDB chegar ao poder em São Paulo, o governador eleito está montando sua equipe sem consultar o partido, que já está fora dos principais cargos políticos do Palácio dos Bandeirantes. 

A sigla tucana deixará de comandar a partir de 2019 pastas estratégicas como a Casa Civil, que terá como titular Gilberto Kassab, presidente do PSD, e Secretaria de Governo, que terá suas atribuições absorvidas por Rodrigo Garcia (DEM). 

Além deles, já estão definidos Rossieli Soares na Educação e Sérgio Sá Leitão, na Cultura. Doria ainda disse a interlocutores que gostaria de contar com o ex-ministro Henrique Meirelles, candidato derrotado do MDB à Presidência, em sua equipe como secretário da Fazenda.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

São Vicente

São Vicente anuncia Praça Pet, após '1ª Cãominhada da Alegria'

Isso será muito legal, pois vai acontecer uma soma de forças para que a nossa Cidade caminhe para frente

São Vicente

Vacina contra o HPV é aplicada em crianças e adolescentes, em São Vicente

Esquema de aplicação deve ser o seguinte: não vacinados, que no caso não possuem dose registrada, irão receber a dose única do imunizante

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter