X
Polícia

Delegados debatem situação da Polícia Civil na Baixada Santista nesta sexta (15)

Encontro será às 14 horas, no Palácio da Polícia

Reunião desta sexta-feira (15) será no Palácio da Polícia, em Santos / Divulgação/Polícia Civil

O Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo (Sindpesp) fará uma reunião na próxima sexta (15), às 14 horas, no Palácio da Polícia, em Santos, para discutir o descaso do Governo do Estado com a Polícia Civil na região da Baixada Santista.

A visita é a segunda de uma série de 10, que vai abranger todo o estado. Na Baixada, o encontro será aberto a todos os delegados da região, com o objetivo de ouvir os profissionais sobre as principais dificuldades enfrentadas no trabalho diário e propor soluções.

“Algumas situações são comuns a todos os policiais, como os piores salários do Brasil pagos pelo governo de São Paulo, mas a Baixada enfrenta dificuldades a mais, porque a estrutura da Polícia Civil, que é precária em todo o estado, é ainda pior na região, basta ver a situação do próprio Palácio da Polícia”, aponta Raquel Kobashi Gallinati, presidente do Sindpesp.

Outra situação preocupante é a distribuição dos policiais na região, que tem grande quantidade de comunidades carentes e presença de facções criminosas.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

“Vamos ouvir os delegados e reunir propostas para apresentar um dossiê completo da situação da Polícia Civil de São Paulo e as necessidades características de cada região. O governo está promovendo um verdadeiro desmonte da polícia e a principal vítima é a população, que sofre sem segurança em seu dia a dia”, completa Raquel.

Atualmente, de acordo com o Defasômetro, ferramenta do Sindpesp que calcula o déficit de policiais civis no estado, a Seccional de Santos tem 80% de seus cargos ocupados, acima da média estadual, de 65%. Hoje faltam mais de 15 mil policiais civis em São Paulo, maior número desde o início do Defasômetro, em 2017.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Economia

Aposentados receberão R$ 960 milhões em atrasados do INSS

Segundo o conselho, 50.518 processos serão contemplados

Turismo

Desfiles de Carnaval de SP e Rio são adiados para abril

A decisão foi anunciada nesta sexta-feira pelas prefeituras

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software