X

Copa do Mundo 2018

Criticado na web, mexicano que pisou em Neymar pede respeito

O jogador do México é alvo de torcedores brasileiros por ter dado um pisão no atacante do Brasil

Folhapress

Publicado em 03/07/2018 às 12:31

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

O lateral mexicano Miguel Layún usou as redes sociais para que sua família seja preservada após a polêmica com Neymar no jogo de segunda-feira (2) / FIFA

O lateral mexicano Miguel Layún usou as redes sociais para que sua família seja preservada após a polêmica com Neymar no jogo de segunda-feira (2). O jogador do México é alvo de torcedores brasileiros por ter dado um pisão no atacante do Brasil.

Com mensagens escritas em português, o mexicano disse não se importar em ser criticado, mas pediu que seus familiares sejam poupados das ofensas.

"Podem enviar mensagens na minha conta, mesmo me ameaçando, não tem problema. Eu sei bem o que é futebol. Mas, me façam um favor, respeitem a minha família. Isso eu não aceito", escreveu Layún.

No texto apresentado nas redes sociais, Layún reiterou que não teve intenção em machucar Neymar em lance ocorrido fora do campo, próximo à linha lateral.

Segundo Layún, o juiz teria dito a ele que não daria cartão vermelho porque o VAR (árbitro-assistente de vídeo, na sigla em inglês) comprovou que o pisão não foi proposital.

Entre os brasileiros que comentaram na rede social do mexicano, estavam diversos famosos.

A atriz Tatá Werneck, por exemplo, fez uma ameaça em tom jocoso. "Você pisou no pé de um jogador recém-operado? Com todo respeito ao seu país e ao seu time, mas um país inteiro viu sua maldade. Não passe pelo Itanhangá", em referência ao bairro onde mora, no Rio.

Apresentador da Globo, Tiago Leifert apenas postou um emoticon, enquanto Cleo Pires deixou mensagem mais dura: "Sou a favor do espírito esportivo. Você não teve nenhum. Seu cabelo é lindo, mas sua índole é podre. Pisou de sacanagem no nosso Ney. Agora sofre, covarde. Seu prego".

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Negou

Ex-prefeito Bili garante que não houve dolo e que vai recorrer de decisão

O juiz Leonardo de Mello Gonçalves, da Vara da Fazenda Pública do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP), condenou o ex-prefeito Luis Cláudio Bili Lins da Silva por improbidade administrativa e dano ao erário

Itanhaém

Vamos ajudar? Banco de leite materno de Itanhaém precisa de doações

O alimento pode ser compartilhado para ajudar a salvar a vida de diversos bebês na UTI Neonatal

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter