Casos

Comentar
Compartilhar
20 DEZ 2018Por Da Reportagem00h00

Existe casos em que a CET realizou repintura de sinalização viária e dias depois o serviço foi danificado por uma concessionária, que só recompôs o leito carroçável e não refez a sinalização recém pintada e muito menos indenizou o cofre público. O novo sistema permite um controle maior nos locais onde estas empresas estão fazendo obras. O serviço só pode se dar por completo quando a Prefeitura for ao local e constatar que o reparo foi feito do jeito e no padrão correto”, comentou o vereador Zequinha.