Caso de Polícia

Comentar
Compartilhar
21 DEZ 2017Por Da Reportagem00h00

A aprovação do projeto de lei que institui a Escola Sem Partido, da vereadora Andressa Sales (PSB), líder do prefeito Válter Suman, pela Câmara de Guarujá, já chegou a esfera policial. Um blogueiro teria sido ameaçado por se posicionar contra a iniciativa e registrou um boletim de ocorrência na delegacia sede do Município. A iniciativa vem causando muita revolta de educadores e lideranças do Município, contrárias à verdadeira censura e ingerência que a proposta impõe à Educação. O Ministério Público poderá ser acionado caso o prefeito Válter Suman sancione a lei.