X

O objetivo, segundo o autor da proposta, é diminuir o número de acidentes envolvendo motocicletas.  “Trata-se de mais uma maneira de proteção aos elementos mais frágeis do trânsito, melhorando a visibilidade dos veículos e pedestres”, enfatiza Marcos Pereira.   Segundo dados do ‘Movimento Paulista de Segurança no Trânsito’, somente em 2018, Guarujá registrou 24 acidentes com motos, sendo que quatro deles foram fatais. Caso aprovado, o projeto de lei seguirá para a análise do prefeito Válter Suman (PSB), a quem caberá sancioná-lo ou vetá-lo.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Rodas-gigantes deixam parques e passam para atração principal

São Paulo planeja ter sua própria roda. Expectativa é de funcionamento em 2022

Moto do Homem de Ferro chega por menos de R$ 30 mil às concessionárias

A Yamaha dá continuidade à parceria com a Marvel e lança a edição especial e limitada Homem de Ferro da naked MT-03

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software