ELEIÇÕES 2022

Holiday se filia ao Republicanos e anuncia apoio a Tarcísio e Bolsonaro

Vereador de São Paulo deixa o Novo, se filia ao Republicanos e anuncia apoio a Tarcísio de Freitas e a Bolsonaro; veja

Bruno Hoffmann

Publicado em 06/10/2022 às 12:50

Atualizado em 06/10/2022 às 12:54

Comentar:

Compartilhe:

Fernando Holiday / Thiago Neme/Gazeta de S. Paulo

O vereador Fernando Holiday se filiou ao Republicanos na manhã desta quinta-feira. Ele estava no Novo, de onde saiu após não conseguir se eleger deputado federal. Ele também publicou uma foto ao lado de Tarcísio de Freitas, candidato do partido na disputa de segundo turno ao Governo de São Paulo, que abonou sua ficha de filiação.

Segundo Holiday, a sua filiação à sigla faz parte de um projeto a longo prazo. Ele não disse nada sobre o tema agora, mas já afirmou em entrevista à Gazeta que tem a intenção de ser governador de São Paulo no futuro.

"Já há muito tempo decidi que não teria mais de dois mandatos como vereador em São Paulo e, portanto, se perdesse essa eleição não seria mais candidato, como de fato ocorreu. Por essa razão, anunciamos nossa filiação ao Republicanos que nos dá condições de trabalhar esses projetos de longo prazo, além de ser um partido alinhado com os ideais de direita que sempre defendemos", disse o vereador.

Ele também afirmou que o Republicanos daria mais condições de executar o projeto a longo prazo, sem detalhar qual seria.

"Seguimos com os mesmos valores, mas agora em um partido com melhores condições de executar esse projeto. Agradeço imensamente a recepção do Republicanos ao nosso futuro governador, Tarcísio de Freitas, que nos deu a honra de abonar as fichas de filiação. Que venha a nova fase!".

O candidato Lucas Pavanato, que tentou se eleger a candidato estadual pelo Novo nas eleições deste ano com apoio de Holiday, também se filiou ao Republicanos.

Holiday x Amoêdo

O vereador Fernando Holiday criticou João Amoêdo, fundador e ex-presidente do partido Novo, na tarde desta quarta-feira.

De acordo com Holiday, Amoêdo "destruiu as bases do Novo" em 2020, quando, segundo ele, o líder da sigla liberal fechou diretórios, mudou regras e expurgou candidatos em cidades menores pelo País.

Na sequência, o vereador paulistano criticou o fato de que o fundador da sigla estaria se apresentando como "o único capaz de ressuscitar o partido", que não teve um bom desempenho nas eleições deste ano.

"[Amoêdo é] Cara de pau, incompetente e desonesto. O que ele quer é ser líder de uma seita", escreveu.

O vereador também respondeu a um seguidor que disse que o ex-presidente já tinha saído do Novo há muito tempo. "João Amoêdo nunca saiu. É um encosto que se recusa a seguir em frente. Segue filiado é atravancando o partido", disse.

No início desta semana, Amoêdo apresentou uma tabela pelas redes sociais que revela que a legenda teve uma diminuição de votos grande em relação a 2018, e criticou a condução do atual presidente do partido, Eduardo Ribeiro.

"Estes foram os desempenhos do NOVO nas eleições de 2018, presidido por Moisés Jardim, e nas eleições de 2022, presidido por Eduardo Ribeiro. Com estes resultados, os candidatos do partido não terão participação garantida nos debates eleitorais até, pelo menos, 2028", escreveu Amoêdo.

O vereador e ex-integrante do MBL se filiou ao Novo em maio de 2021, já com a pretensão de buscar a Câmara dos Deputados. Agora, ele vai manter seu cargo como vereador na Capital.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Descubra os nomes inspirados no espaço sideral que são mais escolhidos

A novela 'Família é Tudo', se aproveitou dessa popularidade e nomeou as protagonistas em homenagem ao Sistema Solar

Cotidiano

Sua grande chance! PATs do Litoral de SP oferecem 319 vagas de emprego; confira

Oportunidades são para todos os níveis de escolaridade

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter