PRIMEIROS PASSOS

Dicas ajudam a apresentar e explicar política para crianças

Para conversar sobre um assunto tão complexo, é necessário estar aberto para todo tipo de questionamento que as crianças possam trazer

Da Reportagem

Publicado em 12/07/2022 às 20:05

Compartilhe:

Portal também lançou o especial "Infâncias em foco: Quem vota pelas crianças? / Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Política e eleições são assuntos que, normalmente, são vistos como temas de adultos. No entanto, partindo da ideia de que as crianças também são impactadas pelas decisões tomadas por governantes que não são escolhidos por elas, e que vivemos em um país cada vez mais polarizado, podem surgir novas dúvidas e emoções difíceis de lidar.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Pensando em maneiras de abordar o assunto de maneira didática, lúdica e acessível, com a proposta de aproximar crianças e adolescentes dos assuntos políticos e também ajudar pais e educadores nesse processo, o Lunetas, espaço 100% dedicado à reflexão sobre as infâncias brasileiras, lista 4 dicas.

Além disso, para quem deseja se aprofundar ainda mais no assunto, o Lunetas lançou o especial “Infâncias em foco: Quem vota pelas crianças?”, um hub de informação sobre política e as infâncias. Entre as mais de 20 reportagens inéditas, serão divulgados conteúdos que abordam desde como os adultos podem falar sobre política com as crianças até a visão dos pequenos sobre o tema.

Abra espaço para o diálogo
Para conversar sobre um assunto tão complexo, é necessário estar aberto para todo tipo de questionamento que as crianças possam trazer e, para isso, fazer um exercício constante de paciência e tolerância. Os pequenos precisam se sentir acolhidos para falar sobre qualquer assunto e entender a importância de respeitar opiniões diferentes.

Escola, educação e política
Engana-se quem pensa que falar sobre política é apenas dar uma opinião partidária. Viver é um ato político e está presente na rotina de todas as pessoas. Exatamente por isso, é importante trazer para estudantes assuntos políticos, aproximando o assunto da realidade desses jovens em sala de aula. Discutir política é discutir temas que fazem parte de nossas vidas como desigualdade social, racismo, educação, saneamento básico, trabalho infantil e saúde pública.

Torne a leitura um hábito
Uma excelente maneira de introduzir o tema durante a infância e contribuir para a formação de cidadãos mais conscientes, críticos e engajados, é por meio de livros. Existem diversas opções bacanas, como ‘A máquina das estações’, do autor Fran Nuño, que narra a chegada de uma máquina que controla as estações do ano em uma pequena cidade, havendo uma votação para decidir seu funcionamento; e ‘A lenda de Su’, de Thiago de Melo Andrade, que fala de maneira leve sobre o poder do povo de transformar o cenário político e social. O Lunetas criou esta lista com 16 livros para falar de política com as crianças. 

Vídeos e filmes
Sabemos que conteúdos audiovisuais são ótimas maneiras de prender a atenção dos pequenos e, por isso, também são excelentes para transformar um assunto pesado em algo interessante e curioso. O vídeo ‘O que as crianças acham sobre política?’, produzido pelo Lunetas, ajuda a iniciar o debate dentro de casa. Além disso, assista filmes como ‘Tito e os pássaros', produção brasileira que mostra uma epidemia na qual o medo adoece as pessoas e, por meio de metáforas, aborda assuntos como a conjuntura política brasileira, sensacionalismo e fake news.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Onda de calor se aproxima do litoral de SP e deve durar dois dias

Sensação térmica deve chegar na casa dos 33º C

Cotidiano

Premiações da Mega-Sena saem para Mongaguá e Praia Grande; veja quanto e lotéricas

Sorteio foi realizado pela Caixa Econômica Federal na noite do último sábado (20)

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter