APÓS TEMPESTADE

Defesa Civil pede para ninguém ir ao litoral norte; veja situação

Alerta foi feito devido às fortes chuvas que atingem a região desde sábado, e que deixaram um rastro de destruição e morte

Francisco Lima Neto - Folhapress

Publicado em 19/02/2023 às 15:48

Atualizado em 19/02/2023 às 15:51

Comentar:

Compartilhe:

Queda de barreira em Ubatuba / Divulgação/DER

A Defesa Civil estadual recomendou neste domingo (19) que a população evite se deslocar em direção ao litoral norte paulista.

O alerta foi feito devido às fortes chuvas que atingem a região desde sábado (18), e que deixaram um rastro de destruição e morte.
Foram registrados ao menos duas mortes: uma criança de 7 anos morreu em Ubatuba (220 km de SP) e uma mulher de 35 anos em São Sebastião (197 km de SP), que decretou estado de calamidade pública neste domingo.

PUBLICIDADE

De acordo com o governo do Estado, em menos de 24 horas, os acumulados de precipitação ultrapassam os 600 mm em alguns pontos do litoral. As áreas mais atingidas estão entre Bertioga (683 mm) e São Sebastião (627 mm) –um dos maiores já registrados no País em curto período e não decorrente de ciclone de natureza tropical.

A Coordenadoria Estadual da Defesa Civil montou um comitê para gerenciar as ações de atendimento às vítimas e o governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) e o coordenador estadual da Defesa Civil, Coronel Henguel Ricardo Pereira, visitam as áreas afetadas em São Sebastião e Ubatuba.

As fortes chuvas também ocasionaram quedas de barreiras nas estradas de acesso à região. A recomendação da Defesa Civil estadual para que os deslocamentos não sejam feitos se devem a questões de segurança.

Neste momento, as seguintes rodovias estão com trechos de interdição total e parcial:.

- Rodovia dos Tamoios (SP-099) - Interdição total no km 65 litoral e km 82 sentido capital
- Rodovia Dr. Manoel Hyppólito Rego (SP-055) - interdição total nos seguintes trechos:
- Km 174 - queda de barreira
- Km 164+100 - queda de barreira
- Km 178 - alagamento
- Km 140 ao 142 - queda de barreira e árvores
- Km 061 - queda de barreira
- Km 065 - queda de barreira
- Km 097 - alagamento
- Km 095 - queda de barreira
- Km 099 - alagamento
- Km 116 - queda de barreira.

Os trechos com interdição parcial da SP-055 são:

- Km 164 - queda de barreira
- Km 180 - queda de árvore
- Km 205 - alagamento
- Km 203 - queda de barreira
- Km 237 - queda de barreira
- Km 066 - queda de barreira
- Km 070 - queda de barreira
- Km 084 - queda de árvore
- Km 093 - alagamento

A rodovia Mogi-Bertioga (SP-098) está totalmente interditada na altura do Km 82, em Biritiba Mirim (Grande SP), devido ao rompimento de uma tubulação e consequente erosão causados pelas fortes chuvas que atingiram a região desde sábado (18).

A interdição, de acordo com o DER (Departamento de Estradas de Rodagem), ocorre desde meia-noite e meia desse domingo.
Também há interdição total nos km 90 e 91, devido à queda de barreira; e no Km 87, devido a uma erosão. Uma equipe do DER está no local avaliando a situação para definir os procedimentos necessários ao restabelecimento do tráfego.

Os motoristas estão sendo orientados a usar como rotas alternativas as rodovias Sistema Anchieta/Imigrantes (SP-160 e SP-150), Rodovia dos Tamoios (SP-099) e Oswaldo Cruz (SP-125).

Leia mais em: https://www.gazetasp.com.br/estado/defesa-civil-alerta-para-ninguem-ir-ao-litoral-norte-veja-situacao/1121126/

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Praia Grande

Haja Paciência! Saída de Praia Grande tem 5 km de lentidão; veja trechos

O epicentro do problema acontece na Avenida Ayrton Senna

Cotidiano

Sistema Anchieta-Imigrantes tem 5km de lentidão; veja os trechos

Informação foi divulgada pela Ecovias

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter