Educação

Psicóloga com TEA ministra palestra sobre autismo em escola municipal de São Vicente

Especializada em terapia cognitiva comportamental, Sabrina Galaxe falou para pais e professores da EMEIEF Regina Célia dos Santos na tarde de sexta-feira (23)

Da Reportagem

Publicado em 24/09/2022 às 17:20

Comentar:

Compartilhe:

Especializada em terapia cognitiva comportamental, Sabrina falou para um público de 20 pessoas dos próprios exemplos de superação / Divulgação/PMSV

A Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental (EMEIEF) Regina Célia dos Santos (Rua Visconde de Tamandaré, 385 - Centro) recebeu na tarde desta sexta-feira (23) a autista e psicóloga Sabrina Galaxe, que realizou palestra para professores e pais que lidam com crianças com transtorno do espectro autista (TEA).

“Nosso objetivo foi proporcionar a troca de experiências, e ninguém melhor do que a Sabrina, que fala não apenas em atendimento clínico com crianças, mas da própria vivência, mesclando a teoria e a  bagagem de vida que ela passou e passa diariamente, por também ser autista”, ressaltou a diretora da EMEIEF, Cristiane Prado.

Antes da palestra, um grupo de 14 alunos da Fase 2 fez uma apresentação musical, com a tradução na linguagem brasileira de sinais (libras).

Palestra - Especializada em terapia cognitiva comportamental, Sabrina falou para um público de 20 pessoas dos próprios exemplos de superação e de seu conhecimento profissional para ensinar caminhos para lidar com o TEA. 

Entre estes desafios, estão a característica do foco em temas exclusivos, a rotina metódica, a alimentação padronizada e outros que precisam ser trabalhados. 

“Eu, por exemplo, gosto mais de alimentos industrializados, e isso tem a ver não só com o paladar, mas também com a textura, o odor, o som produzido pela mastigação, a cor da comida… Ou seja: para mim, o ato de comer envolve os cinco sentidos”.  

Quanto ao foco, ela contou que fica ligada em temas relacionados à psicologia. “Aguento ficar horas fazendo palestras, estudando ou lendo sobre psicologia. Num contato com a família, tenho que me policiar para não falar só sobre isso”. Daí a importância de verificar um assunto que a criança gosta para estimular a comunicação.

A atividade promovida na EMEIEF Regina Célia dos Santos faz parte da “Inclusão em Movimento”, ação realizada nas escolas municipais pela Secretaria de Educação (Seduc), por meio do Núcleo de Educação Inclusiva e da Diretoria Pedagógica. “É uma semana em que a rede municipal está promovendo palestras, oficinas e fóruns de discussão, envolvendo pais, alunos e professores”, salientou o supervisor de ensino, Thiago Andrade.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Aprenda e jogue! ODS vira tema de jogo de tabuleiro e digital

Board game também estará disponível para celular e computador

Cotidiano

Sua grande chance! Rumo Logística abre processo seletivo; veja

Empresa é uma das líderes do segmento e oferece vagas em todos os níveis de escolaridades

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter