Brasil

Usado para reajustar aluguel, IGP-M acumula 5,40% em 12 meses

A queda da taxa entre janeiro e fevereiro foi puxada principalmente pelos preços no atacado, medidos pelo Índice de Preços ao Produtor Amplo

Agência Brasil

Publicado em 09/02/2017 às 11:30

Comentar:

Compartilhe:

Segundo a FGV, com a prévia, o IGP-M acumula inflação de 5,40% em 12 meses / Divulgação

O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), usado no reajuste de contratos de aluguel, registrou inflação de 0,10% na primeira prévia de fevereiro, taxa inferior ao 0,86% da primeira prévia de janeiro. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), com a prévia, o IGP-M acumula inflação de 5,40% em 12 meses.

A queda da taxa entre janeiro e fevereiro foi puxada principalmente pelos preços no atacado, medidos pelo Índice de Preços ao Produtor Amplo. A inflação do subíndice recuou de 1,13% na primeira prévia de janeiro para 0,01% na primeira prévia de fevereiro.

A inflação de varejo, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor, caiu de 0,40% em janeiro para 0,22% em fevereiro. O Índice Nacional de Custo da Construção, subiu de 0,22% para 0,39% no período.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Tem dúvidas? Empresa lança site exclusivo sobre o pedágio Free Flow no Litoral de SP

Endereço eletrônico contém informações e sessão para usuários fazerem perguntas

Diário Mais

Entenda o que é a 'infiltração marítima', fenômeno que atinge o litoral de SP

O Climatempo indicou nesta semana que as cidades do litoral brasileiro, incluindo de SP, seriam atingidas pelo fenômeno

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter