Brasil

SBPC discutirá questões ambientais e a defesa da democracia neste domingo

O tema geral do evento deste ano é "Ciência, independência e soberania nacional"

Reinaldo José Lopes, da Folhapress

Publicado em 23/07/2022 às 20:45

Compartilhe:

A SBPC é o principal órgão a representar a comunidade científica do país / Abdias Pinheiro/SECOM/TSE/Divulgação

A SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência), principal órgão a representar a comunidade científica do país, inicia sua 74ª reunião anual no domingo (24), em Brasília, com uma programação que vai privilegiar debates sobre saúde pública, questões ambientais e a defesa da democracia.

Esses três elementos são cruciais para refletir sobre o tema geral do evento, o qual, em 2022, para marcar os 200 anos de independência do Brasil, é "Ciência, independência e soberania nacional". "Em primeiro lugar, não existe soberania nacional sem soberania popular, sem democracia", diz o filósofo e ex-ministro da Educação Renato Janine Ribeiro, atual presidente da SBPC.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

"Um dos componentes essenciais para isso é o voto, o que nos levou a organizar uma mesa sobre as urnas eletrônicas no Brasil e o lançamento de um livro que narra a história delas", explica Janine Ribeiro, que é professor de filosofia política e ética na USP. Atacados como pouco confiáveis pelo presidente Jair Bolsonaro, os aparelhos até hoje nunca revelaram indícios de fraude.

A mesa-redonda, que acontece no dia 29 de julho, contará com a participação de Carlos Velloso, ministro aposentado do STF (Supremo Tribunal Federal). Após o debate, será lançado o livro "Tudo O Que Você Sempre Quis Saber Sobre A Urna Eletrônica Brasileira", escrito pela jornalista Fernanda Soares Andrade.

Para o presidente da SBPC, a comunidade científica do país enfrentou dificuldades sérias durante os anos de mandato de Bolsonaro. Com exceção de algumas agências estaduais de fomento à pesquisa, entre as quais se destaca a paulista Fapesp, a ciência brasileira, em larga medida, dependente do financiamento federal, tem sofrido quedas constantes nos últimos anos.

"Temos tentado manter o diálogo, mas é muito difícil fazer isso com um governo que corta verbas, que não prioriza a ciência e não dá nenhuma importância para a educação. O governo federal não assumiu o papel de liderança que deveria ter, e a situação, de fato, é muito delicada", resume ele. "Não houve uma única reunião do Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia, ao longo destes anos, na qual o presidente da República estivesse presente, por exemplo."

Esse desinteresse se reflete na maneira como o país lidou com a Covid-19. "Estamos tentando sair de uma pandemia horrível, que o Brasil infelizmente enfrentou muito mal", diz Janine Ribeiro. "Pensar a saúde coletiva nesse contexto também é uma questão de inclusão social e, portanto, essencial para a nossa independência e soberania."

Para o presidente da SBPC, o mesmo vale para a devastação ambiental que o Brasil enfrenta. "É algo que talvez não estivesse claro para muita gente no começo do século 21, mas que se impõe como uma discussão decisiva para o Brasil hoje", afirma.

"E isso vale não apenas para a necessidade de deter o avanço do desmatamento como também para a proteção dos direitos e da cidadania dos indígenas, dos ribeirinhos e de outras populações tradicionais cuja presença é essencial para a defesa desses territórios", diz Janine Ribeiro. "A ciência tem mostrado cada vez mais que essas populações desenvolveram um conhecimento sofisticado sobre os lugares em que vivem, e que há um imenso potencial de desenvolvimento econômico sustentável a partir da nossa biodiversidade, algo que os fabricantes de cosméticos, por exemplo, já perceberam."

A participação nos eventos da reunião da SBPC é gratuita. As palestras, mesas-redondas e exposições acontecem no campus Darcy Ribeiro, da UnB (Universidade de Brasília), a partir de segunda-feira (25), e vão até sexta (29), das 9h às 18h. Os organizadores recomendam ao público o uso de máscaras faciais e higienização das mãos com álcool em gel. A programação diária pode ser acessada no endereço https://eventos.galoa.com.br/sbpc-2022/calendar.
 

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Variedades

Com retorno de Michael Keaton, 'Os Fantasmas Ainda se Divertem' ganha novo trailer

Produção é dirigida novamente por Tim Burton

Variedades

Litoral de SP recebe na próxima semana a Festa da Pamonha; confira a programação

Evento oferece várias opções gastronômicas, inclusive há espaço para uma ação solidária

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter