X

Brasil

Safra leiloa imóveis desocupados com valores abaixo do mercado

Leilão acontece no dia 13 de março, na plataforma Zuk, e soma 18 imóveis em diversos estados

Gladys Magalhães

Publicado em 12/03/2023 às 20:02

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Leilão possui terrenos, lotes residenciais e comerciais, localizados em vários estados / Divulgação/Zuk

Na próxima segunda-feira, 13 de março, às 15h, o Banco Safra realiza um leilão de imóveis desocupados com valores abaixo da avaliação do mercado. A disputa acontece de forma totalmente on-line na plataforma Zuk.

Ao todo, estão disponíveis 18 imóveis, entre terrenos, lotes residenciais e comerciais, localizados nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Pernambuco, Amazonas, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Os lances iniciais variam de R$ 100 mil a R$ 5 milhões, sendo que o menor valor é pedido para uma sala comercial de 80,6 m², no Sítio Tamboré Alphaville, em Barueri –SP, enquanto o maior lance inicial é para um terreno de 32,7 mil m², na cidade de Içara, em Santa Catarina.

Além da sala comercial em Barueri, o estado de São Paulo conta com mais oito lotes no leilão.  Entre os residenciais, vale destacar um apartamento dúplex, no bairro do Campo Belo. Com 487 m² de área útil e cinco vagas de garagem, o imóvel pode ser arrematado a partir de R$ 2,2 milhões.

Uma casa no Morumbi, por sua vez, tem lance inicial de R$ 1,5 milhão. O imóvel  tem 1,1 mil m² de terreno e 960 m² de área construída.  Mais em conta, um apartamento de 306 m², em Indianápolis, tem valor mínimo de R$ 500 mil.

Os interessados em participar do leilão devem se inscrever na plataforma Zuk, ler o edital e se habilitar para realizar ofertas.

Leia esta matéria também na Gazeta de S. Paulo 

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Mau presságio? Branqueamento de corais pode ser sinal da morte dos oceanos; entenda

Estruturas são a base do Oceano

Cotidiano

Biquíni com casaco? Litoral de SP terá sol nos próximos dias, mas sem calor

Apesar da presença constante do sol, as máximas não passam dos 23 graus

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter