Trump, sobre Venezuela: 'Todas as opções estão na mesa'

Ainda segundo o presidente americano, 'junto com o Brasil, pudemos alimentar centenas de venezuelanos famintos'

Comentar
Compartilhar
19 MAR 2019Por Estadão Conteúdo22h01
O líder republicano ainda afirmou que pode haver sanções 'muito mais duras'Foto: Associated Press

O presidente americano, Donald Trump, voltou a dizer que todas as opções "estão na mesa" em relação à situação na Venezuela. Ele pediu que os militares venezuelanos se libertem do atual presidente, Nicolás Maduro, e reforçou que o Brasil, junto aos Estados Unidos, foi o primeiro a reconhecer o oposicionista autodeclarado presidente venezuelano, Juan Guaidó, como presidente oficial.

Ainda segundo Trump, "junto com o Brasil, pudemos alimentar centenas de venezuelanos famintos".

O líder republicano ainda afirmou que pode haver sanções "muito mais duras" à Venezuela, além das já impostas pelo governo americano.

 

 

Colunas

Contraponto