X
Mundo

Presidente da Colômbia diz que naufrágio deixou seis mortos e 31 desaparecidos

Santos comentou que alguns dos 31 desaparecidos podem estar com as pessoas que ajudaram a resgatá-los no momento do afundamento do barco

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, disse que o naufrágio do barco turístico El Almirante nesse domingo (25), na represa de Guatapé, deixou seis mortos e 31 desaparecidos. A informação é da Agência EFE.

"Até agora, tivemos informação de seis pessoas mortas, três que estão no hospital e três que foram resgatadas pelos mergulhadores", afirmou o presidente que seguiu para o local do acidente. Segundo ele, 122 pessoas estão bem e 31 são consideradas desaparecidas.

Santos comentou que alguns dos 31 desaparecidos podem estar com as pessoas que ajudaram a resgatá-los no momento do afundamento do barco.

O presidente colombiano acrescentou que é um trabalho difícil, porque a água é muito fria, e que os mergulhadores trabalharão o tempo que for necessário para resgatar as vítimas.

Juan Manuel Santos descartou a possibilidade de que o naufrágio tenha ocorrido por excesso de passageiros, apesar de as investigações sobre as causas do acidente ainda não terem começado.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Itanhaém

Audiência pública discute propostas sobre zoneamento urbano em Itanhaém

Empresa Geo Brasilis apresentou informações técnicas sobre as características do município

Saúde

Ocupação de leitos de UTI de Covid-19 só aumenta na Baixada Santista

Região ainda não teve um único dia de diminuição de leitos ocupados durante todo o ano de 2022 segundo Seade

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software