X

TENSÃO

Presidente da Argentina tenta impeachment de membros do STJ

Quatro membros da mais alta corte do País são alvo do governo

Joe Silva

Publicado em 13/01/2023 às 10:57

Atualizado em 13/01/2023 às 11:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A tendência é que Alberto Fernandez não obtenha êxito no plano / Reprodução/Twitter

Sessões extraordinárias estão sendo marcadas no Congresso da Argentina para discutir o impeachment de quatro membros do Superior Tribunal de Justiça, entre outras medidas, de acordo com informações do porta-voz presidencial divulgadas nesta quinta-feira (12).

A mais alta corte do País tem quatro membros que são alvos do presidente local Alberto Fernández, segundo a Agência Brasil. A batalha do chefe do Executivo nacional contra o Judiciário se intensificou em episódios como o pedido de mais verbas estatais para a cidade de Buenos Aires, que é governada pela oposição.

Para ter sucesso derrubando os quatro membros do STJ, o presidente precisa do apoio de dois terços dos membros de ambas as casas do Congresso. Porém, a tendência é que isso não aconteça, uma vez que o governo perdeu apoio após as eleições de 2021.

As sessões extraordinárias serão realizadas de 23 a 28 de fevereiro, segundo a porta-voz presidencial.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Guarujá

PAT de Guarujá oferece 58 vagas neste sábado (25); confira a relação

Atendimento é realizado na Avenida Santos Dumont, 1.586, no Pae Cará, em Vicente de Carvalho

Esportes

Pela Série B, Santos perde para o América-MG por 2 a 1

Próxima partida do Peixe será contra o Botafogo-SP

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter