X
LONGEVIDADE

Morre no Japão pessoa mais velha do mundo, com 119 anos

Perguntada sobre em que momento da vida havia sido mais feliz, ela respondeu: 'Agora'

Kane Tanaka morreu no último dia 19 / Reprodução/Redes sociais

Uma mulher japonesa reconhecida como a pessoa mais velha do mundo morreu aos 119 anos, anunciaram nesta segunda-feira (25) as autoridades locais da região de Fukuoka, no sudoeste do Japão.


Kane Tanaka nasceu em 2 de janeiro de 1903, mesmo ano em que Marie Curie se tornou a primeira mulher a vencer um Prêmio Nobel, que os irmãos Wright realizaram seu primeiro voo com uma aeronave motorizada e que a montadora Ford foi fundada nos EUA.


Ela tinha uma saúde relativamente boa até recentemente e morava em uma casa de repouso, onde gostava de jogos de tabuleiro, de resolver problemas matemáticos, tomar refrigerante e comer chocolate.


Em janeiro, o espanhol Saturnino de la Fuente García, considerado o homem mais velho do mundo, morreu em León.
Sua rotina diária nos últimos tempos incluía acordar às 6h e dedicar as tardes ao estudo de matemática e à prática de caligrafia. "Um dos passatempos favoritos de Kane é uma partida de Othello [jogo de tabuleiro], e ela vence com frequência os funcionários da residência", afirmou o Guinness em um perfil da japonesa.


O livro dos recordes a certificou como a pessoa mais velha do mundo em 2019. Na ocasião, perguntada sobre em que momento da vida havia sido mais feliz, ela respondeu: "Agora".


A morte ocorreu na terça-feira passada (19), mas só foi divulgada nesta segunda, com a senilidade apontada como causa.


Kane se casou com Hideo Tanaka há um século, em 1922, com quem teve quatro filhos e adotou um quinto. Na juventude, teve vários negócios, incluindo uma loja de macarrão e uma de bolos de arroz.


Ela pretendia usar uma cadeira de rodas para participar do revezamento da tocha dos Jogos Olímpicos de Tóquio, mas a pandemia impediu sua presença.


O governador local, Seitaro Hattori, lamentou a morte de Kane. "Eu planejava me encontrar com ela no Dia do Respeito aos Idosos deste ano [data nacional comemorada em setembro] e celebrar com seu refrigerante e chocolate. A notícia me deixa muito triste", afirmou, em comunicado.


De acordo com dados do Banco Mundial, o Japão é o país com a população mais longeva do mundo, com 28% de pessoas com 65 anos ou mais. Dados de setembro indicavam 86.510 centenários, 90% deles mulheres.


A pessoa viva mais velha verificada pelo Guinness foi a francesa Jeanne Louise Calment, que morreu aos 122 anos e 164 dias em 1997.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Esportes

'Difícil, mas o não a gente já tem', diz presidente do Santos sobre Neymar

O Santos acredita que, se Neymar sair mesmo do PSG, seu destino será outro clube da Europa

Cubatão

Claudio Barazal é o novo secretário municipal de comunicação social de Cubatão

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software