Mongaguá receberá doação de água sanitária para combater o Aedes aegypti

O ato simbólico de doação do produto aconteceu na sede da empresa, em Cubatão, e contou com a presença de equipes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) do município

Comentar
Compartilhar
24 FEV 2017Por Da Reportagem13h30
Ação visa educar e informar a população sobre a eficiência do hipoclorito de sódio no combate ao mosquitoFoto: Divulgação

As equipes de combate ao Aedes aegypti em Mongaguá ganharam esta semana mais uma ferramenta de trabalho: água sanitária. 100 litros do produto foram doados pela UNIPAR Carbocloro, empresa apoiadora da campanha nacional ‘Cloro na Zika’, criada pela Associação Brasileira da Indústria de Cloro, Álcalis e Derivados (ABICLOR), que visa educar e informar a população sobre a eficiência do hipoclorito de sódio (água sanitária) no combate ao mosquito.

O ato simbólico de doação do produto aconteceu  na sede da empresa, em Cubatão, e contou com a presença de equipes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) do município. Na ocasião, pesquisadores da USP apresentaram um estudo, contratado pela Carbocloro, que atesta a eficácia do hipoclorito no combate ao Aedes. Os profissionais de Mongaguá também conheceram as instalações da indústria e a forma como ela trabalha a segurança e o meio ambiente.

“Foi um evento memorável. Fomos muito bem acolhidos. Agregamos conhecimentos sobre como são produzidos o cloro, álcalis e seus derivados, incluindo a questão da responsabilidade ambiental e social. Certamente será um mecanismo importante inserido na rotina do nosso trabalho, que já tem garantido resultados positivos no combate ao Aedes aegypti. Mongaguá hoje não registra nenhum caso de doença do mosquito”, ressaltou a diretora do CCZ, Kelly Capatto.