Mongaguá defende que Estado revise classificação da Baixada no Plano São Paulo

Prefeito Márcio Melo Gomes faz apelo ao Governo de São Paulo para rever critérios

Comentar
Compartilhar
28 MAI 2020Por Da Reportagem11h19
Márcio Melo Gomes pede que o Estado revise os critérios de classificação de MongaguáFoto: JONAS DE MORAIS/PMM

O prefeito de Mongaguá, Márcio Melo Gomes, defende que o Governo do Estado revise os critérios de classificação do Município, assim como o de toda a Região Metropolitana da Baixada Santista, no Plano São Paulo, de flexibilização econômica. Sendo assim, manterá interlocução com os demais municípios vizinhos a fim de que o Estado reveja a classificação da Baixada Santista.

“Não estamos medindo esforços para que todas as determinações do Estado sejam devidamente seguidas. Paralelamente, nossa região tem adotado medidas e estratégias no combate à Covid-19, de acordo com a realidade local. Por outro lado, os comerciantes e empresários estão em uma situação caótica. A população precisa retomar as atividades econômicas gradativamente", afirmou o prefeito Márcio Melo Gomes.

"Mongaguá, por exemplo, tem realizado diversas ações de conscientização, fiscalização dos serviços essenciais e estruturação do sistema de saúde. Certamente, a pandemia é uma preocupação, mas nossos moradores, comerciantes e empresários sabem da importância do distanciamento social e podem seguir as próximas etapas de flexibilização”, concluiu.