X

Mongaguá

Filho de Prócida vai votar em cassação

A juíza Andrea Aparecida Nogueira Amaral Roman deferiu a medida liminar que suspende o efeito das sessões da Câmara de Mongaguá em relação a Guilherme Prócida (PSDB)

Da Reportagem

Publicado em 10/08/2018 às 12:20

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A Justiça de Mongaguá concedeu mandado de segurança ao vereador Guilherme Prócida (PSDB) / Arquivo Pessoal

A Justiça de Mongaguá concedeu mandado de segurança ao vereador Guilherme Prócida (PSDB) que garante ao vereador o direito constitucional de participar integralmente do processo de cassação do prefeito Prof. Artur Parada Prócida e do vice e agora prefeito Márcio Melo Gomes, o Márcio Cabeça, inclusive das comissões processantes. Ou seja, derruba todo o processo de cassação.

Em resumo, a juíza Andrea Aparecida Nogueira Amaral Roman deferiu a medida liminar que suspende o efeito das sessões da Câmara de Mongaguá dos dias 21 de maio, 16 de julho e 6 de agosto, para garantir que ele participe integralmente dos processos.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nacional

Armado com uma espada, homem invade hospital e ataca segurança; assista

Apesar do ataque, o segurança não ficou ferido e retirou o agressor da unidade médica

Cotidiano

Vacinação da gripe será antecipada para março

A estratégia costuma acontecer entre os meses de abril e maio, mas, neste ano, terá início no dia 25 de março, devido a uma "antecipação da circulação de vírus respiratórios"

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter