Agente apreende celulares perto do muro de penitenciária em Mongaguá 

A direção do CPP de Mongaguá encaminhou o material apreendido para o 2º Distrito Policial da cidade, onde registrou Boletim de Ocorrência

Comentar
Compartilhar
27 JAN 2021Por Da Reportagem11h30
Itens foram localizados após agente do CPP de Mongaguá ter notado movimentação estranhaFoto: SAP/Divulgação

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) afirma, por meio de nota, que celulares e outros itens eletrônicos foram apreendidos na região do Centro de Progressão Penitenciária 'Dr. Rubens Aleixo Sendin', o CPP de Mongaguá, durante o começo da noite desta terça-feira (26). Ninguém foi preso. 

Por volta das 18h30, um dos agentes do local percebeu uma movimentação de indivíduos na área externa da unidade prisional, nas proximidades do muro. Imediatamente, uma equipe de segurança foi acionada e se deslocou até o local. Os servidores encontraram jogadas no chão duas sacolas plásticas que continham 18 celulares, 35 carregadores, 1 carregador portátil, 10 fones de ouvido e 4 chips. 

A direção do CPP de Mongaguá encaminhou o material apreendido para o 2º Distrito Policial da cidade, onde registrou Boletim de Ocorrência. Também foi aberto procedimento disciplinar apuratório para investigar o caso. Até o momento, nenhuma pessoa foi identificada como dona dos itens.