X

Itanhaém

Tolerância zero: Prefeitura realiza operação contra invasões; população pode denunciar

As pessoas podem ligar para o telefone (13) 3421-1600, ramal 1296, ou no número de emergência 153

Da Reportagem

Publicado em 08/08/2018 às 21:12

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Grupo de trabalho acompanha os processos, intensifica a fiscalização e busca garantir, dessa forma, o crescimento ordenado da Cidade / Divulgação

Na manhã desta terça-feira (7), a Prefeitura de Itanhaém realizou uma operação de desocupação de áreas invadidas na região do Jardim Jamaica. A iniciativa é uma ação integrada das secretarias de Trânsito e Segurança, Planejamento e Meio Ambiente, Obras e Desenvolvimento Urbano e Serviços e Urbanização. Este grupo de trabalho realiza constantemente o combate à invasão e construções irregulares em áreas públicas. Para denunciar, as pessoas podem ligar para o telefone (13) 3421-1600, ramal 1296, ou no número de emergência 153. 

Regularmente são executadas demolições de ocupações irregulares nos bairros do Jamaica, Bopiranga, Nova Itanhaém, Gaivota e Oásis. Não é permitida qualquer construção em área verde e, caso seja identificada, a obra deve ser demolida imediatamente. Vale ressaltar que grande parte deste serviço é realizado com o apoio de denúncias da população.

“O objetivo é combater ocupações e construções irregulares em áreas verdes ou públicas, e é um trabalho permanente que tem sido realizado em conjunto com as secretarias”, afirmou o secretário de Trânsito e Segurança Municipal, Milton Saldiba Passareli de Campos Júnior.

O interessado em construir em qualquer área da Cidade, antes de adquirir um terreno, deve primeiramente consultar o setor de Expediente de Obras, e posteriormente de Cadastro para averiguar se o imóvel está localizado em loteamento aprovado. A construção só pode ser iniciada depois de emitido o Alvará de Construção.

DENUNCIE 

É importante que casos de irregularidades sejam denunciados. A população pode ligar no setor de Fiscalização de Obras, no telefone (13) 3421-1600, ramal 1296, ou no número de emergência 153 (Guarda Civil Municipal).

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Monja Coen traz palestra à Baixada Santista na Semana da Mulher

Missionária irá falar sobre inspiração de vida em evento realizado na Ilha Porchat, em São Vicente

MUAY THAI

Portuários Stadium abre temporada com 10 lutas e momentos épicos em SV

Com o Rocket Sea Club como local dos combates, o evento contou com 20 atletas oriundos de cinco estados

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter