Projeto entrega mais de 2 mil pulseiras na temporada

Iniciativa da Prefeitura auxilia em encontrar crianças que se perdem na praia

Comentar
Compartilhar
01 MAR 2018Por Da Reportagem11h43
Durante esta edição do projeto, que foi realizado de 15 de dezembro a 13 de fevereiro, foram distribuídas mais de 2.500 pulseiras nas praias de Pitangueiras e AstúriasFoto: Arquivo/DL

A temporada de verão está chegando ao fim e Guarujá, por mais um ano, foi o grande destino dos turistas no litoral paulista. Entretanto, o que tem de tudo para ser sinônimo de lazer e diversão para as famílias que escolhem as praias para o merecido descanso, pode acabar virando um pesadelo por um pequeno descuido, no momento em que um filho se perde de seus pais.

E visando diminuir esses problemas, que a Prefeitura de Guarujá, por meio da Guarda Civil Municipal – Coordenadoria de Projetos Sociais, realizou o projeto "Não se perca de mim" por mais uma temporada, que consiste em tendas espalhadas pelas praias da Cidade distribuindo para crianças algumas pulseiras de identificação, que auxiliam no encontro de pais e crianças perdidas.

Durante esta edição do projeto, que foi realizado de 15 de dezembro a 13 de fevereiro, foram distribuídas mais de 2.500 pulseiras nas praias de Pitangueiras e Astúrias, onde cada uma tinha uma cor de acordo com sua tenda, limitando a localidade dos pais pelo perímetro de ação de cada uma.

Somente nas tendas, 20 crianças foram localizadas e entregues aos pais, além dos números que não puderam ser mensurados, pois muitas das crianças também são encontradas por outros banhistas e esses fazem o contato com os pais.

De acordo com o secretário de Defesa e Convivência Social, Luiz Cláudio Venâncio Alves, o número baixo de crianças encontradas reflete na eficiência do projeto. "A nossa orientação prévia ajuda a diminuir os casos de crianças desaparecidas", finalizou o secretário.