X

Guarujá

Prefeitura de Guarujá supera total de certificados internacionais emitidos desde 2014

Já são mais de 650 documentos emitidos somente neste ano, contra 130 confeccionados em todo o ano de 2014

Da Reportagem

Publicado em 12/07/2018 às 11:45

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Em Guarujá, todas as Unidades Básicas (UBSs) e de Saúde da Família (Usafas) imunizam contra a febre amarela, com a dose única padrão (0,5ml) / Divulgação

"As pessoas estão viajando mais e percebendo que a Cidade emite o certificado, evitando, assim, a procura pelo documento em outros municípios". A afirmação é do diretor de Vigilância em Saúde de Guarujá, Marco Antonio Chagas da Conceição, com base no aumento de interessados na emissão do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia no Município.

O documento é necessário àqueles que vão viajar para destinos considerados áreas de risco. Para se ter uma ideia, neste ano, até o momento, já são mais de 650 certificados emitidos pelo Município. Em 2014, a Cidade teve um total de 130 certificados.

No ano seguinte, esse dado chegou a 156 documentos e em 2016, a Diretoria de Vigilância Municipal emitiu 137 certificados, contra 421 no ano passado. Diante disso, o total de certificados emitidos até hoje é de 2.304.

E a partir da próxima terça-feira (17), o certificado só será emitido para requerentes que comprovarem que viajarão ou realizarão conexão em alguns dos países que exigem o certificado. Conforme a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a medida tem como principal objetivo preservar o atendimento dos cidadãos brasileiros que de fato precisam do certificado. Isso uma vez que ele é necessário apenas aos viajantes com destino internacional a países que requerem a comprovação da aplicação da vacina contra a febre amarela.

Em Guarujá, todas as Unidades Básicas (UBSs) e de Saúde da Família (Usafas) imunizam contra a febre amarela, com a dose única padrão (0,5ml), necessária para emitir o certificado. Já a fracionada (0,1ml) também é ofertada na rede municipal, mas, como serve para fins de profilaxia em território brasileiro, não permite a emissão do certificado Internacional.

O documento é confeccionado na Diretoria de Vigilância em Saúde, que fica na Avenida Leomil, 518, Centro. O horário de atendimento é das 10 às 14 horas. Para a emissão, é obrigatória a apresentação do comprovante da viagem em nome do viajante. "O certificado só pode ser emitido mediante a comprovação da compra da passagem (ou voucher) em nome do viajante para o destino e/ ou com conexão que exija o documento", explica Marco Antonio. Ele lembra também que a Anvisa possui uma lista dos países que exigem o certificado.

Chagas ressalta que só o certificado comprova a vacinação contra a doença, conforme definido no Regulamento Sanitário Internacional. A lista com os países que exigem o Certificado está disponível na internet, no site da Organização Mundial de Saúde (OMS), através do link:  http://who.int/ith/2017-ith-annex1.pdf?ua=1.

Dados

Guarujá teve uma morte confirmada em razão da doença, e até o momento não há registro de novos casos. A Secretaria de Saúde ainda possui estoque da vacina e, por isso, mantém o esquema de vacinação na Cidade, com a disponibilidade de 20 postos, entre Unidades Básicas (UBSs) e de Saúde da Família (Usafas).

 

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Santos

Feira Santo Pet vai até este sábado, em Santos

Evento também conta com plantão de adoção da Coordenadoria de Defesa da Vida Animal (Codevida)

Cotidiano

Motorista enfrenta trânsito lento e congestionado nesta sexta-feira

Os motoristas que estão utilizando as rodovias da Região, enfrentam lentidão para chegar em seus respectivos destinos

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter