Prefeitura de Guarujá abre Casa Rosa hoje

Trata-se de um equipamento totalmente voltado à saúde da mulher, com capacidade diária de atendimento de aproximadamente 150 pessoas

Comentar
Compartilhar
10 DEZ 2018Por Da Reportagem11h01
São mais de 300 metros quadrados de área construída em um terreno de aproximadamente 402 metros quadradosSão mais de 300 metros quadrados de área construída em um terreno de aproximadamente 402 metros quadradosFoto: Divulgação/DL

A Prefeitura de Guarujá abre hoje Instituto da Mulher – Casa Rosa, a mais nova unidade de saúde da Cidade. Trata-se de um equipamento totalmente voltado à saúde da mulher, com capacidade diária de atendimento de aproximadamente 150 pessoas - encaminhadas previamente pelas Unidades Básicas de Saúde (UBSs). A unidade funciona em uma casa finamente decorada na Rua Quinto Bertoldi, nº 5, Vila Maia.

Emocionada, a coordenadora de Saúde da Mulher, ginecologista Adriana Machado, disse que a casa exclusiva para atendimento do público feminino é a realização de um sonho. “A primeira coisa que falei ao assumir a coordenação de Saúde da Mulher foi: precisamos tirar elas do ARE (Ambulatório de Referência em Especialidades) para oferecermos um atendimento exclusivo, para olhar a mulher de forma mais acolhedora e humanizada. Aqui vamos conseguir acolher as gestantes de alto risco de forma mais adequada. Foi muito trabalho para chegarmos até aqui, e me sinto muito grata por este momento”.

O secretário de Saúde de Guarujá, Sandro Abreu, destacou a qualidade das instalações e a capacidade da equipe. “Isso certamente vai refletir na redução da mortalidade infantil”.

O prefeito de Guarujá, Válter Suman, também fez questão de destacar o esforço dos profissionais para alcançar esse resultado. “A força do trabalho em equipe, com comprometimento, garra e vontade, supera todos os obstáculos. É um orgulho, sendo médico, ter pessoas tão guerreiras trabalhando comigo”.

No espaço, as pacientes da rede municipal de saúde terão atendimento em ambulatórios de gestação de alto risco; mastologia; de cirurgia ginecológica e de planejamento familiar, além de exames de colposcopia e ultrassonografia, por exemplo.

São mais de 300 metros quadrados de área construída, em um terreno de aproximadamente 402 m2. O prédio, de dois pavimentos, é totalmente climatizado e conta com oito consultórios e salas de ultrassom, expurgo, interativa, esterilização, além de cozinha, recepção e banheiros (adaptados).

HOMENAGEM

O médico Paulo Kahol Soejima, um dos mais antigos de Guarujá, responsável por mais de 40 mil partos, foi homenageado durante o evento. “Minha intenção era colocar o nome dele nesta casa, mas há uma lei que impede nomear próprios públicos com o nome de pessoas ­ainda vivas. Mas eu não ­poderia deixar de homenageá-lo, ele faz parte da história de Guarujá”, disse Adriana.