PM Ambiental flagra pesca irregular e autua 4

Mestre da embarcação e três tripulantes receberam multas que, somadas, passam de R$ 100 mil; caso ocorreu em Guarujá.

Comentar
Compartilhar
29 JUN 2019Por Gilmar Alves Jr.15h11
Os PMs apreenderam 600 kg de camarão sete-barbas, que foram doados para fundo de solidariedade.Foto: DIVULGAÇÃO/POLICIA MILITAR AMBIENTAL

Policiais militares ambientais flagraram pesca de arrasto irregular, na madrugada desta sexta-feira (28), em Guarujá, e apreenderam 600 quilos de camarão sete-barbas em uma embarcação.

O mestre da embarcação foi autuado e recebeu multa de R$ 25,4 mil.

"Três tripulantes a bordo não apresentaram a carteira de pescador, e também foram autuados no mesmo valor, totalizando R$ 101.600,00", informou a Companhia de Policiamento Ambiental Marítimo do 3º Batalhão de Polícia Ambiental do Estado.

No flagrante, que ocorreu às 3h, na região da entrada do Rio do Meio, também foram apreendidos apetrechos usados para a pesca e a embarcação.

Toda a quantidade de camarão apreendida foi doada ao Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Guarujá.

OUTRAS APREENSÕES

Na tarde do dia 26, no Parque Estadual Ilha Anchieta, em Ubatuba, os policiais da Ciamar flagraram também arrasto de camarão de maneira irregular, desta vez em local proibido. Foram apreendidos 160 quilos de sete barbas.

"O pescador foi autuado por pescar em local proibido, resultando em R$7.800,00 em multa, além da apreensão da embarcação, quatro portas (apetrecho utilizado na pesca), duas redes de arrasto, e todo o pescado a bordo, sendo 160 quilos de camarão sete-barbas, os quais foram doados a instituições beneficentes da região", informou a PM.

Na terça-feira (25), houve flagrante de pesca irregular, também de camarão sete-barbas, na entrada da Barra de Santos. Foram apreendidos 480 quilos de sete-barbas pescados sem autorização, que foram doados para quatro instituições carentes e beneficentes da Região .

O mestre da embarcação foi autuado e recebeu uma multa de R$ 20,6 mil.

Este flagrante foi no interior da Área de Proteção Ambiental Marinha Litoral Centro (APAMLC).

Colunas

Contraponto