X

Guarujá

Ministro anuncia ordem de serviço para obras do Aeroporto de Guarujá para dezembro

O prazo de execução da etapa inicial é de seis meses, com investimentos de R$ 21,3 milhões

Da Reportagem

Publicado em 25/11/2023 às 09:30

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

As intervenções do Aeroporto Civil Metropolitano compreendem pista e cercamento, necessárias para essa etapa inicial / Divulgação/ PMG

“O aeroporto de Guarujá vai sair”, afirmou o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, durante o Summit Antaq 2023, evento promovido pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários e Grupo Tribuna, na quinta-feira (23). Ao cumprimentar o prefeito de Guarujá, o representante do Governo Federal anunciou que a ordem de serviço da primeira fase das obras do empreendimento viário sairá em dezembro.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

A segunda edição do evento reuniu diversas autoridades civis e militares no terminal da empresa Eldorado Celulose, para discutir sustentabilidade e inovação no Porto. Antes de iniciar o primeiro painel, o ministro acenou ao chefe do executivo de Guarujá e reforçou que retornaria à Cidade no próximo mês para tratar do tema.

“É com enorme satisfação que vejo esse sonho se tornando realidade. A população da Baixada Santista espera por esse equipamento há muitos anos. Um empreendimento que mudará a economia local e trará grandes investimentos para a Região, potencializando ainda mais o turismo. Com a expedição para o início das obras, daremos outro importante passo”, ressalta o prefeito de Guarujá.

 

Obras

As intervenções do Aeroporto Civil Metropolitano compreendem pista e cercamento, necessárias para essa etapa inicial. Trata-se de reforço estrutural dos pavimentos da pista de pouso e decolagem e pista de taxiamento, além de regularização das faixas de pista e áreas de segurança, drenagem, cerca operacional, barreiras de proteção de fauna, via de serviço e sinalização horizontal, entre outras. Após a execução dos serviços, conclui-se a implantação da primeira fase, que permitirá pousos e decolagens de aeronaves para até 72 passageiros (jatinhos e turboélices).

“O prazo de execução dessa etapa é de seis meses, com investimentos de R$ 21,3 milhões. Posteriormente, vamos lançar um novo edital para as obras do terminal de passageiros”, explica o secretário municipal de Infraestrutura e Obras.

 

Licitação

No último dia 13, a Prefeitura realizou a abertura dos envelopes para a licitação das obras. Neste momento, é realizada a análise de todas as planilhas envolvidas na disputa, pelo Grupo de Trabalho de Licitação, para que seja escolhido o melhor orçamento.

 

Túnel

Durante o evento, o ministro também ressaltou que as obras da ligação seca entre Santos e Guarujá estão previstas para o primeiro semestre de 2024. “Ontem, estive reunido com o governador Tarcísio de Freitas e reforçamos o nosso compromisso com a Baixada Santista. O túnel sairá no ano que vem”, assegurou.

Orçada em R$ 5,8 bilhões, a obra deve ser licitada no próximo ano e a previsão de entrega é para 2028. Recentemente, o Governo Federal, representado pela Casa Civil, incluiu recursos para a concretização da ligação seca no novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e anunciou sua viabilização por meio de Parceria Público Privada (PPP). Será uma parceria entre União e Governo do Estado, com concessão à iniciativa privada, por meio do Programa de Investimentos do Estado de São Paulo (PPI-SP).

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Mau presságio? Branqueamento de corais pode ser sinal da morte dos oceanos; entenda

Estruturas são a base do Oceano

Nacional

Não perca as contas: você sabe quantas vezes o cantor Fábio Jr. se casou?

A lista é bem extensa e pode confundir os fãs

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter